O que você sabe e o que não sabe sobre as Ilhas do Tahiti

10 de agosto de 2018
Fique por dentro

Com um império marítimo expandindo para mais de 2 milhões milhas quadradas (equivalente ao tamanho da Europa), e apenas 1.351 mi² são de fato terra, as Ilhas de Tahiti são um destino mítico. Isoladas, tropicais e exuberantes, essas ilhas são um universo onde os sonhos e a realidade se encontram.

O Tahiti formam 5 arquipélagos diferentes: Sociedade, Tuamotu, Gambier, Marquesas e Austrais.

Os transportes entre as as ilhas são feito de pequenos aviões ou marítimo (veleiros, catamarãs, ferries).

Quem nunca sonhou com paisagens paradisíacas banhadas pelo sol, que aparecem diante dos seus olhos assim que sair do avião? Nas Ilhas de Tahiti sonhos se tornam realidade. Uma explosão de cores ofusca seus olhos quando você avista os vales verdes, o céu azul e as lagoas azul turquesa. Os pareôs multicoloridos das charmosas dançarinas locais contrastam com seus cabelos escuros, banhados pela luz do sol tropical.

As ilhas do Tahiti, Moorea, Huahine, Raiatea, Taha’a, Bora Bora e Maupiti são ilhas com altas e místicas montanhas, vales profundos e perfumados pela Tiare (flor tahitiana) e as mais lindas joias e artesanatos feitos com os produtos locais. Rangiroa, Manihi, Fakarava e Tikehau são atóis do arquipélago de Tuamotu, contornados por suas lagoas formando verdadeiras caixas de joias. Essas profundezas azuis guardam a história da famosa pérola negra, que cresce e se desenvolve em grandes fazendas. De norte a sul, das planícies férteis das Ilhas Austrais até as falésias íngremes das Ilhas Marquesas, esses paraísos combinam todas as diferentes paisagens criadas pela generosa Mãe Natureza. Secretas ou rebeldes, selvagens mas nunca hostis, suas praias, ornamentadas por coqueiros, deixam transparecer os séculos de erosão que as tornou ouro ou basalto, atol ou montanha.

A maioria das ilhas contam com uma lagoa e oferecem ampla variedade de atividades náuticas. Não é a toa que lá é um dos destinos de mergulho mais bonitos do mundo. Suas águas de um azul profundo e intenso abrigam as mais lindas espécies. É possível se deparar com arraias, tubarões-martelo, tubarõeslimão, tubarões-galha-branca-oceânico ou tubarões-cinzento-dosrecifes, baleias jubarte, cardumes de peixe, corais, profundezas de tirar o fôlego e ruínas misteriosas.

As ilhas altas (Sociedade, Marquesas e Austrais) oferecem inúmeras possibilidades de caminhadas, vislumbrando estonteantes vistas panorâmicas das lagoas e baías e presenciar a imensidão do Oceano Pacífico.

.

SOCIEDADE – O ARQUIPÉLAGO MAIS VISITADO

Esse arquipélago abriga as ilhas mais visitadas: Tahiti, Moorea, Bora Bora. Mas também abriga outras ilhas, não tão famosas, mas não menos hipnotizantes. Na ilha de Tetiaroa você encontrará um atol mítico da estrela do cinema Marlon Brando, sem falar das belezas de Huahine, Raiatea, Taha’a e Maupiti. Aqui e ali, as montanhas são envolvidas pelas lagoas de aguas claras, rodeadas por motus, corais, vegetação preservada e praias de areia branca flertando com o oceano. A água azul cristalina revelará ainda mais tesouros com sua vida marinha. Cada ilha no Arquipélago da Sociedade desvenda um legado, uma cultura viva em constante desenvolvimento, encontros autênticos e uma arte de viver em harmonia com um ambiente preservado, uma experiência de valor incalculável…

Ilha do Tahiti
após um mergulho no grande oceano , você aproveitará a temperatura morna da areia preta enquanto toma sol na praia de Matavai, Mahina ou Popoti, próximas ao rio Taharu’u em Papara. Visite o centro da ilha, caminhe ou escolha um passeio 4X4 pelo vale Papeno’o, que esconde lendárias e reminiscências arqueológicas ao longo dos rios, das mais belas cachoeiras e piscinas naturais, sem contar as inúmeras atividades culturais e esportivas.

.

Ilha Moorea
Ilha irmã do Tahiti, intocada e isolada, desvenda uma ampla variedade de tons de azul, onde as raias cumprimentam os mergulhadores e pedem carinho. Localizada entre o oceano e as montanhas, o campo de golfe profissional com 18 buracos de Tema’e oferece vistas incríveis e cênicas de serras e recifes. A baía de Paopao é rodeada por uma fortaleza rochosa, com valas por todas os lados, como se guerreiros gigantes tivessem tentado destruí-la com suas lanças. Ao pôr do sol, as montanhas parecem estar pegando fogo, inspirando muitos pintores locais, cujos trabalhos são exibidos nas várias galerias de arte da ilha.

.

Bora Bora
A pérola do Pacífico é o cartão postal perfeito, com seu nobre e impressionante Mount ‘Otemanu, glorificado pelo pôr do sol e as águas perfeitamente calmas da lagoa. Sinta o privilégio de estar no paraíso, rodeado pelo conforto e luxo que você merece, envolto por um azul cinematográfico num cenário exclusivo e completamente romântico que faz o tempo simplesmente parar.

.

Huanine
Reconhecida como “a ilha das mulheres” por causa das suas voluptuosas curvas, paira na mística ilha de Huahine um senso de respeito onde os visitantes são convidados a descobrir a riqueza cultural da Polinésia nos sítios arqueológicos de Maeva. Ou quem sabe, seguir os passos lendários do herói e semideus Hiro-ā-Moeterāuri, o famoso marinheiro do grande oceano de Hiva.

.

Raiatea
Traduzindo, “as terras que formam ilhas”. Esta ilha sagrada abriga o Te-Pō, o centro cultural mais importante e internacionalmente renomado do Triângulo polinésio. Todos os anos, este local apresenta cerimônias culturais, reunindo pessoas de todo o Triângulo polinésio. Raiatea também abriga a flor única, extremamente rara e muito protegida tīare ‘apetahi. Esta flor em extinção é endêmica e pode ser abundantemente encontrada na serra de Temēhan.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *